Não é novidade para ninguém que a leitura virou válvula de espace para muita gente nos últimos meses. Algumas pessoas – incluindo eu – aumentaram o ritmo de leitura e a quantidade de livros lidos. Porém, nem sempre comprar obras novas é uma opção, já que o preço destes produtos estão cada vez maiores. Então, neste texto vou listar formas de ler livros de graça e de forma legal.

1 – Biblioteca de São Paulo

A Biblioteca de São Paulo tem uma vasta variedade de títulos para o leitor escolher. É possível ler tanto no computador quanto nos aplicativos disponíveis para celular ou tablets. Após fazer o cadastro gratuito, basta fazer o login e ir em busca dos títulos.

Eu encontrei muitos títulos que eu quero ler, como livros do John Boyne, Stephen King, Carlos Ruiz Zafón, Raphael Montes, Margaret Atwood, entre muitos outros.

2 – Skeelo

Disponível na versão gratuita e na versão paga, o Skeelo é um aplicativo para celular ou tablets que proporciona o leitor a todo mês receber um livro diferente. Algumas operadoras de celular possuem parceria com o Skeelo e disponibilizam a versão paga do aplicativo de forma gratuita.

A desvantagem é que você vai conseguir ler apenas no celular ou tablet, não sendo possível passar as obras para um leitor digital. A vantagem é que as obras que você adquiriu ficam sempre disponíveis. Assim, o leitor não precisa necessariamente terminar de ler o livro do mês naquele mês.

3 – E-books gratuitos na Amazon

Eu perdi as contas de quantos e-books gratuitos eu baixei na Amazon no último ano. Há uma aba que mostra apenas estes livros. Em março de 2020 diversas editoras colocaram livros de graça como forma de incentivar os leitores a ficarem em casa. Em abril de 2021, vários títulos ficaram gratuitos para comemorar o Dia Mundial do Livro. Eu consegui pegar livros do Joël Dicker para ler – e de graça.

Você pode encontrar a página com e-books gratuitos clicando aqui.

No vídeo abaixo eu listei mais formas que você pode obter livros de forma gratuita.